Ferramenta autentica informações a partir de “selfies” e Fotos de documentos

Sao Paulo 9/10/2019 –

FlexExtractor automatiza a o fluxo de documentos gerados a partir de fotografias, ou impressões gráficas e biométricas

A Flexdoc, especialista em soluções de produção e gestão de documentos por imagem, criou uma ferramenta capaz de extrair, classificar e analisar de forma automática as informações contidas em imagens de qualquer tipo de documentos ou em fotografias pessoais, independentemente de seu formato.

Denominada FlexExtractor, a ferramenta consegue também validar cada atributo do documento e autenticar o conteúdo das informações extraídas, confrontando-as com registros publicados em fontes públicas comerciais ou forenses. Desta forma, a solução estabelece a autenticidade e a validade jurídica desses dados e viabiliza a sua utilização segura nos processos de negócios.

“A flexibilidade dos dispositivos móveis supera não só o uso de papel, mas também as formas tradicionais de digitação, captura, transferência e conferência manual de dados. O momento de transformação exige processos mais ágeis, seguros e assertivos, comenta Eduardo Borém, diretor comercial da Flexdoc.

Borém explica que o FlexExtractor é um dos módulos integrantes da suíte FlexImage, uma plataforma da Flexdoc que realiza a automação completa de fluxos de negócios, incluindo o processamento de dados e a gestão documental.

O módulo dispõe de inteligência para qualificar e classificar as imagens e compactá-las para facilitar o tráfego e o armazenamento. Estas imagens podem também ser correlacionadas com a classe documental à qual pertencem, viabilizando sua integração com plataformas de análise.

“Nossa tecnologia torna possível, por exemplo, a busca digital de assinaturas existentes para a autenticação de documentos, ou a comparação de várias imagens de “selfies” para verificações antifraude ou para a autorização de operações realizadas por meio digital”, afirma o executivo.

O FlexExtractor emprega uma nova forma de processamento, em que a produção e checagem da informação é feita de forma automática, inclusive transformando as bases legadas em conteúdo digital praticamente sem intervenção humana.

“Queremos ajudar empresas que ainda executam fluxos de informação de forma convencional, a migrar para o processamento digital com o uso intensivo de tecnologias, viabilizando uma nova jornada operacional e uma melhor experiência do usuário”, prossegue o diretor.

“O FlexExtractor é capaz de identificar, por exemplo, se a imagem de um documento é de um RG, CNH, uma placa de carro, um boleto ou comprovante de renda, por exemplo, e dispõe de recursos de auto aprendizado que o tornam cada vez mais ágil e preciso na leitura.

Reconhecimento de face
A ferramenta da Flexdoc mapeia as características da face humana, numa foto contida em documento, e aplica algoritmos que transformam cada parâmetro gráfico em uma sequência codificada. Assim, é possível comparar uma imagem fotográfica com outra imagem de referência, como uma selfie enviada via mobile, a fim de validar a autenticar o usuário e legitimar o agente da operação. Os recursos de leitura e busca biométrica em arquivos públicos se aplicam também a impressões digitais e sua autenticação segundo requisitos forenses.

“A tecnologia disponível, até há pouco tempo, não permitia um nível de eficiência elevado na implementação desses processos automatizados, a não ser a custos inviáveis. A inteligência artificial nos ajudou a mudar este cenário, impactando na melhoria dos três principais balizadores de projeto: custo, tempo e qualidade”, salienta o executivo.

A forma de contratação do FlexExtractor pode ser na modalidade “pay as you go” (pague pelo que usar) ou então como licença adquirida. Para garantir a segurança dos dados do usuário, nenhuma informação é gravada fisicamente no servidor.

Os interessados em testar o FlexExtractor podem enviar solicitação pelo e-mail info@flexdoc.com.br

Website: http://www.flexdoc.com.br

Web Site: